Penso na vida...

 

Penso na vida

Enquanto o incenso queima

Minha alma se delicia com a música

Minha imaginação viaja...

 

A pressa do desejo se acalma

A realidade torna-se autêntica,

E a emoção tranqüila.

 

Quantos “porquês” existem em nossas vidas

Quantas viagens mentais em busca de razões

Quanta preocupação para justificar a existência

Quantas maneiras de ser o que se é.

 

O trivial é necessário para nos fazermos comuns,

Descansar o pensamento e esquecer tudo e todos

Por algum tempo.  

 

Patrícia Couto Abrantes

 

 

Bits, Bytes, You & Art > > > your space in the Web!!!  CLIQUE AQUI PARA ACESSAR VERINHA'S SITE > > >  www.verinha.de  Caso você tenha encontrado meu site em mecanismos de buscas, clique no link HOME para acessar minha página inicial.